TRADUZIR

sábado, 12 de março de 2016

LAVA JATO ENDURECE O JOGO COM MARCELO ODEBRECHT







Procuradores da Lava Jato decidem endurecer com Marcelo Odebrecht


Os procuradores da força-tarefa da Operação Lava Jato decidiram endurecer com Marcelo Odebrecht. Eles receberam nesta semana a visita de representantes do empreiteiro, que está preso há mais de seis meses e estuda aderir à delação premiada. Demonstraram que a negociação para um acordo será dura.

POR CIMA
Procuradores tentaram mostrar que já têm fartas provas contra o empresário, além da vantagem, na negociação, de Odebrecht já estar inclusive condenado em um dos processos.


EU SOZINHO
A delação premiada da secretária da Odebrecht Maria Lúcia Tavares é outro trunfo da força-tarefa. Ela é apontada como a pessoa que fez pagamentos de propinas e de caixa dois para a empreiteira por vários anos. Com as informações dadas por Maria Lúcia, tidas como "bombásticas", os procuradores poderiam avançar nas investigações sem a ajuda do dono da empresa.


BEM ACOMPANHADO
A possibilidade de Mônica Moura, mulher de João Santana, marqueteiro do PT e de Dilma Rousseff, fechar delação premiada também daria força aos investigadores.


O HOMEM
Apesar da pressão, os procuradores entendem que Marcelo Odebrecht é um dos maiores arquivos vivos do país e detentor de informações que poderiam levar a Lava Jato a um patamar até hoje não atingido.


MENOS É MAIS
Odebrecht há tempos estuda aderir à delação premiada. Uma das estratégias discutidas na empresa é a de que ele seja cirúrgico, delatando poucos, mas relevantes, personagens da política brasileira. Contribuições eleitorais feitas para a campanha de Dilma Rousseff e de Michel Temer devem ser detalhadas.



TERCEIRIZAÇÃO
Com Marcelo Odebrecht se preservando o máximo possível, caberia a outros executivos da empreiteira, também presos, abastecer a Operação Lava Jato com fartas informações.


TEMPO DE SOBRA
O termo "coxinha" na Wikipédia foi editado a partir da rede de informática do Ministério Público Federal. A alteração foi detectada pelo Brasil WikiEdits, perfil no Twitter que monitora atualizações na enciclopédia virtual feitas com computadores do governo. As mudanças na página diziam respeito ao salgadinho: em vez de "formato de coxa de galinha", agora o verbete informa que ele tem "forma de gota, para lembrar a coxa de galinha".


TEMPO DE SOBRA 2
O Ministério Público Federal não comentou o assunto.

-
LULA E O FRANGO ASSADO DA POLÍCIA FEDERAL
Uma das histórias pitorescas da tensa manhã em que Lula prestou depoimento em Congonhas, na semana passada, é a do frango guardado num cofre.
*
Os policiais federais perguntavam ao ex-presidente quem paga as viagens dele quando vai ao exterior dar palestras. "O contratante", respondeu Lula. E os seguranças que o acompanham? Eles recebem diária do governo –ex-presidentes têm direito a assessores bancados pela União.
*
Os investigadores aproveitaram a deixa para reclamar que a diária está muito baixa. Lula concordou. E contou o incidente com sua equipe: eles estavam com tão pouco dinheiro em determinada viagem ao exterior que decidiram comprar um frango assado para comer no hotel.
*
No quarto, eles resolveram guardar a comida na geladeira do hotel cinco estrelas. Abriram a porta, colocaram o frango lá dentro, fecharam e... ao tentar reabri-la, descobriram que se tratava de um cofre. "Acho que o frango está lá até hoje", disse Lula. Os policiais caíram na risada, num raro momento de descontração.

Autor: Colunista Mônica Bergamo
Fonte: FOLHA DE SÃO PAULO
Postar um comentário

Compartilhar

 
  •  
    Ocorreu um erro neste gadget

    ROLE O BANNER E CLIQUE NO ASSUNTO DESEJADO

    >
    > >