quarta-feira, 24 de abril de 2013

DIFAMANDO O LOBO


"Os inimigos declarados de Deus e da Igreja devem ser difamados tanto quanto se possa..."

Antonio dos Reis: - 


- Realmente o "mariano roxo Lutero" teve muitas inspirações do demônio, porém o Oswaldo de Paula Garcia não se dá conta de que a sua inspiração diabólica é muito maior, pois hoje apenas por despeito se põe a difamar o grande reformador.



Que Lutero era INSPIRADO PELO DEMÔNIO nem precisava confirmar. Foi ele mesmo que o escreveu. Consulte:



No que diz respeito à difamação do lobo, é dever de caridade que o apontemos para que todos se ponham de guarda. Isso foi o que disse um dos mais bondosos dos santos, São Francisco de Sales:





"Os inimigos declarados de Deus e da Igreja devem ser difamados tanto quanto se possa (desde que não se falte à verdade), sendo obra de caridade gritar: Eis o lobo!, quando está entre o rebanho, ou em qualquer lugar onde seja encontrado.” (Bispo e Doutor da Igreja - Filotea, ou Introdução à Vida Devota, parte III, cap. 28)


Quando ao alegado "grande reformador"  diga-se também que Lutero nada reformou, nem mesmo a si próprio, porque morreu bebum, blasfemador, glutão, sem vergonha, suicida e, tal seu pai, o demônio, um grande mentiroso. 

Francisco Arnoldi, comentando sobre os escritos do heresiarca, disse : “Há neles tantas mentiras, quantas palavras.” Jorge, Duque da Saxônia, a respeito de Lutero, declara: “Até aqui não nos havia ensinado a Sagrada Escritura que Cristo houve escolhido para o apostolado e a pregação do seu Evangelho, mentiroso tão de profissão e tão impudente" (Cfr. estes e muitos outros testemunhos coevos, assim protestantes como católicos, apud GRISAR, Luther, II, 452, e ss.); João Deirtemberger: “É o mais mentiroso de quantos homens vivem debaixo dos céus.”

O que ele conseguiu fazer foi criar uma IMENSA FAVELA em torno da majestosa catedral de Cristo. com efeito, não se reforma uma construção sem tocar nela. A Igreja permaneceu intacta ministrando a seus filhos a pão da verdade, afetada apenas em sua paisagem externa, cercada por estes milhões de casebres feios e sujos, agora habitados pelos que deixaram a casa do Pai para  viver como porcos, alimentados diariamente com as lavagens da mentira. Consulte:



Assim considerado, a celebridade de Lutero não consistiu em ser um "grande reformador", mas, à vista do mal que causou às almas, deve, com justiça, ser chamado de o "GRANDE DEFORMADOR"



ANTÔNIO DOS REIS:

Referindo-se a: "Os inimigos declarados de Deus e da Igreja devem ser difamados tanto quanto se possa (desde que não se falte à verdade), sendo obra de caridade gritar: Eis o lobo!, quando está entre o rebanho, ou em qualquer lugar onde seja encontrado.”
--------------------

Se é obra de caridade difamar os inimigos declarados de Deus e da Igreja, então a partir de agora eu digo: OSWALDO DE PAULA GARCIA é uma grande besta a serviço da besta maior que é Satanás


RESPOSTA: 

Alguém lá atrás disse que a falta de argumento está levando-o à insensatez. É por isso que não se lembrou de ler a cláusula restritiva entre parêntesis que diz: "desde que não se falte à verdade"... Cadê os argumentos necessários para provar sua proposição? 

Só porque apresento provas insofismáveis que o deixam fora de si, então, por isso, tenho que ser "uma grande besta" a serviço de "Satanás"? 

Não há talvez outra alternativa melhor, por exemplo, já que apresento provas contra suas mentiras, que eu esteja pugnando sob o pendão da verdade? Não disse Cristo "quem é da verdade ouve a minha voz"? (Jo 18,37). Não disse que ele é a verdade? (Jo 14,6). Eu ouço a voz de Cristo através da Igreja que ele edificou sobre KEPHAS ["Quem vos ouve a mim ouve" (Lc 10,16)]; você ouve a Satanás que FALA ATRAVÉS DE LUTERO e demais "reformadores".

Portanto, meu caro, resigne-se, pelo que escreveu acima, em admitir que se bandeou para o esquadrão dos caluniadores e que agora simplesmente pertence às HOSTES DOS INIMIGOS DE CRISTO, "o caminho, A VERDADE e a vida" e de sua Igreja que é seu corpo, portanto, ele mesmo! 

POSTAGEM SEGUINTE - Veja pequenas notícias a começar com a farra do governo com o nosso dinheiro, o Irá declara a derrocada do cristianismo...


POSTAGEM ANTERIOR - A obra de Cristo começou a ruir já no primeiro século e, por interferência de Constantino, ela que vinha já capengando, acabou ruindo por completo. Para corrigir o erro de seu Filho leviano, Deus suscitou, 15 séculos depois, o bêbado Lutero para botar a locomotiva nos trilhos:

Postar um comentário

Compartilhar

 
  •  
    Ocorreu um erro neste gadget

    ROLE O BANNER E CLIQUE NO ASSUNTO DESEJADO

    >
    > >