segunda-feira, 22 de agosto de 2016

CLEMENTE DE ALEXANDRIA CONTRA AS IMAGENS


Resultado de imagem para clemente de alexandria stromata



I - A MENTIRA

Clemente de Alexandria sentencia: “É uma tolice extrema rogar como deuses àqueles que não são deuses, porque há um só bom Deus; nós e os anjos suplicamos unicamente a Ele” (Stromata, v.4, MG 11, 1185). E noutro lugar: “Toda imagem ou estátua deve chamar-se ídolo porque não é outra coisa que matéria vil e profana, e por isso Deus, para arrancar pela raiz a idolatria, proibiu em seu culto qualquer imagem ou semelhança das coisas que estão no céu ou na terra, proibindo igualmente a sua fabricação; e é por isto que nós os cristãos não temos nenhuma daquelas representações materiais”.


II - ONDE SE ENCONTRA




III - A VERDADE


“É uma tolice extrema rogar como deuses àqueles que não são deuses, porque há um só bom Deus; nós e os anjos suplicamos unicamente a Ele” (Stromata, v.4, MG 11, 1185).

O texto acima, exceto no que se refere ao "suplecamos uniamente a Ele" pode dizer-se ortodoxo, porém o que segue e para o que apenas se atribui a CLEMENTE DE ALEXANDRIA é herético em todos os sentidos inclusive é também anti bíblico:


“Toda imagem ou estátua deve chamar-se ídolo porque não é outra coisa que matéria vil e profana, e por isso Deus, para arrancar pela raiz a idolatria, proibiu em seu culto qualquer imagem ou semelhança das coisas que estão no céu ou na terra, proibindo igualmente a sua fabricação; e é por isto que nós os cristãos não temos nenhuma daquelas representações materiais”.

Fica evidente que se trata de texto apócrifo elaborado por mentes infernais com o escopo de enganar os fiéis católicos.

Não tenho a tradução do grego para o português mas podemos dispor de uma na língua inglesa na qual, infelizmente, não sou fluente. Porém, podemos contar com a detestável tradução automática que pode "quebrar o galho" e o suficiente para que o leitor se convença que o texto acima não passa de simples invenção para enganar os inexperientes. 

A referência dos nossos acusadores é (Stromata, v.4, MG 11, 1185), a que, podemos interpretar como "Stromata, volume 4, capítulo 11". Mas o que significa o MG e o número 1185? 
Sei lá!

Texto em inglês de Stromata IV, Capítulo 11:

Resultado de imagem para clemente de alexandria stromata



CHAPTER XI -- THE OBJECTION, WHY DO YOU SUFFER IF GOD CARES FOR YOU, ANSWERED.

But, say they, if God cares for you, why are you persecuted and put to death? Has He delivered you to this? No, we do not suppose that the Lord wishes us to be involved in calamities, but that He foretold prophetically what would happen -- that we should be persecuted for His name's sake, slaughtered, and impaled. So that it was not that He wished us to be persecuted, but He intimated beforehand what we shall suffer by the prediction of what would take place, training us to endurance, to which He promised the inheritance, although we are punished not alone, but along with many. But those, it is said, being malefactors, are righteously punished. Accordingly, they unwillingly bear testimony to our righteousness, we being unjustly punished for righteousness' sake. But the injustice of the judge does not affect the providence of God. For the judge must be master of his own opinion -- not pulled by strings, like inanimate machines, set in motion only by external causes. Accordingly he is judged in respect to his judgment, as we also, in accordance with our choice of things desirable, and our endurance.

Although we do not wrong, yet the judge looks on us as doing wrong, for he neither knows nor wishes to know about us, but is influenced by unwarranted prejudice; wherefore also he is judged. Accordingly they persecute us, not from the supposition that we are wrong-doers. but imagining that by the very fact of our being Christians we sin against life in so conducting ourselves, and exhorting others to adopt the like life.

But why are you not helped when persecuted? say they. What wrong is done us, as far as we are concerned, in being released by death to go to the Lord, and so undergoing a change of life, as if a change from one time of life to another? Did we think rightly, we should feel obliged to those who have afforded the means for speedy departure, if it is for love that we bear witness; and if not, we should appear to the multitude to be base men. Had they also known the truth, all would have bounded on to the way, and there would have been no choice. But our faith, being the light of the world, reproves unbelief. "Should Anytus and Melitus kill me, they will not hurt me in the least; for I do not think it right for the better to be hurt by the worse," [says Socrates]. So that each one of us may with confidence say, "The Lord is my helper; I will not fear: what shall man do to me?" "For the souls of the righteous are in the hand of the Lord, and no plague shall touch them."

SEGUE-SE A <<>> TRADUÇÃO AUTOMÁTICA APENAS PARA "QUEBRAR O GALHO"

CAPÍTULO XI - A objeção "porque sofrem, se Deus cuida de vocês" respondida 


Mas, dizem eles, se Deus cuida de vós, por que sois perseguidos e condenados à morte? Ele não vos submeteu a isso? Não, nós não supor que o Senhor quer que sejamos envolvidos em calamidades, mas que Ele predisse profeticamente o que iria acontecer - que devem ser perseguidos por amor do seu nome, abatidos, e empalado. De modo que não foi que Ele nos quis ser perseguidos, mas Ele insinuou antemão o que havemos de sofrer pela previsão de que iria ter lugar, nos ensina a resistência, a que Ele prometeu a herança, embora sejam punidos não só, mas juntamente com muitos. Mas aqueles, diz-se, sendo malfeitores, são justamente punidos. Assim, eles involuntariamente testemunho de nossa justiça, estamos sendo injustamente punido por causa da justiça. Mas a injustiça de o juiz não afeta a providência de Deus. Para o juiz deve ser senhor de sua própria opinião - não puxada por cordas, como máquinas inanimados, postas em movimento apenas por causas externas. Assim sendo, ele é julgado em relação a seu julgamento, assim como nós, de acordo com a nossa escolha de coisas desejáveis, e nossa resistência.

Embora não errado, mas o juiz olha para nós como fazendo de errado, pois ele não conhece e nem deseja saber sobre nós, mas é influenciada pelo preconceito injustificado; Por isso também é julgado. Consequentemente, eles perseguem-nos, não a partir da suposição de que somos iníquos. mas imaginando que pelo próprio fato de sermos cristãos pecamos contra a vida, por isso a realização de nós mesmos, e exortando os outros a adotar a vida semelhantes.

Mas por que você não ajudou quando perseguido? dizem. O errado é-nos feito, na medida em que estamos preocupados, ao ser lançado pela morte de ir para o Senhor, e assim passando por uma mudança de vida, como se a mudança de um tempo de vida para outra? Será que vamos pensar corretamente, devemos sentir obrigados a aqueles que proporcionaram os meios para a partida rápida, se é para o amor que damos testemunho; e se não, que deve aparecer para a multidão a ser homens de base. Se tivessem também conhecido a verdade, todos teriam delimitada para o caminho, e não teria havido nenhuma escolha. Mas nossa fé, sendo a luz do mundo, reprova incredulidade. "Deve Anytus e Melitus me matar, eles não vão me machucar, no mínimo, porque eu não acho que seja certo para o melhor a ser ferido pelo pior", [diz Sócrates]. De modo que cada um de nós pode com confiança dizer: "O Senhor é o meu ajudador, e não temerei: o que deve fazer o homem para mim?" "Para as almas dos justos estão na mão do Senhor, e nenhuma praga deve tocá-los."

Já a alguns amigos o texto inglês para ser traduzido.

Em breve terão uma tradução decente.

Por ora o texto malacafento já serve para mostrar que em STROMATA, volume IV, Capítulo 11, não tem nada que os evangélicos alegam, a menos que nos expliquem o que significa aquele MG e 1185.

Tenho a impressão que o articulista está se referindo a alguma publicação de um tal MG de 1185 o que põe a publicação sob suspeita, pois bastaria citar diretamente o STROMATA.












Postar um comentário

Compartilhar

 
  •  
    Ocorreu um erro neste gadget

    FAZER PEDIDO AQUI

    MAIS OUTRA NOVIDADE!
    Já está em andamento o segundo volume do
    NDICE DAS MENTIRAS CONTRA A IGREJA CATÓLICA"

    ROLE O BANNER E CLIQUE NO ASSUNTO DESEJADO

    >
    > >